terça-feira, 26 de julho de 2011

Sou apenas uma quimera...

Sou apenas uma quimera que não se quisera, que na sombra se finara, porque sem amor ficara...oh! triste destino que te sofres de amar...apenas os poemas te tenho para chorar....

José Guerra (2011)

Sem comentários:

Enviar um comentário