sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Se a noite falasse...

Se a noite falasse, carpia de dor as lágrimas choradas pelas estrelas que banham o meu rosto por me imaginar não te ter...

José Guerra (2011)

Sem comentários:

Enviar um comentário