terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Acordes em Prosa

Quando o céu e a terra se tocam
No mar se ouve
Acordes em prosa se amam
Num qualquer violino, que ao longe
na memória se deixou tocar



José Guerra (2011)

3 comentários:

  1. Olá José Guerra,

    Quando dois "monstros" de beleza e poder se tocam, acontece um horizonte de luz.

    BOM ANO NOVO.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  2. Obg Luz!!

    Um abraço para si tb e votos de um próspero 2012!

    Um abraço poético!

    ResponderEliminar
  3. Olá José Guerra,

    Como vai? Muito trabalho, não é verdade?
    Escrevi e publiquei a última parte da história, que escrevi no meu blogue. Penso, que não comentou, mas não sei se a accompanhou ou não. A história inteira tem com quatro partes, que estão expostas, todas, no blogue.
    Se desejar, passe por lá e "diga de sua justiça".

    Bom Domingo, com serenidade.
    Abraços de muita luz.

    ResponderEliminar