sábado, 10 de dezembro de 2011

Ser-te...

Ser-te num beijo roubado
por quem havias desejado
é amar-te assim
num abraço calado


José Guerra (2011)

2 comentários:

  1. Olá José Guerra,

    Aqui há um beijo roubado, que é sempre bom, num abraço roubado, e no meu blog há uma maçã.

    Bom fim de semana.

    Abraço poético.

    ResponderEliminar