sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Outono em Prosa


2 comentários:

  1. Dentro do meu coração
    existe uma cabana
    Tecida com folhas de outono
    Cheio de amor e carinho

    Entre soltando as amarras da prisão
    Pousará em terra de sonhos
    Em minha alma livre, fará morada
    Ali é o meu mundo, nele habito
    É o além que posso tocar
    Porque no mundo onde vivo
    Não se dorme para descansar,
    Dorme-se para sonhar.

    ResponderEliminar
  2. Obrigado, Maria, pelo seu feedback em forma de poema

    Um abraço

    ResponderEliminar